Páginas

domingo, 7 de novembro de 2010

SE NÃO ESTÁ BOM, POR QUE NÃO MUDAR?

SE NÃO ESTÁ BOM, POR QUE NÃO MUDAR?

João 14. 04 – Vocês conhecem o caminho para onde eu vou.
I Timóteo 2. 5,6 – Pois há um só Deus e um só mediador entre Deus e os homens: o homem Cristo Jesus, o qual se entregou a si mesmo como resgate por todos. Esse foi o testemunho dado em seu próprio tempo.

Com muita frequência me deparo com gente que está vivendo uma vida “pequena”, sofrida e sem esperança. Pessoas que se acomodaram à mediocridade. Se conformaram com as dores e os pesares do dia-a-dia. A pergunta que lanço é o título deste texto. Por que o medo de mudar?

Alguém já disse que o ser humano gosta de novidade, mas resiste às mudanças. Acreditam, enganosamente, que é melhor sofrer com as coisas do jeito que estão, do que pagar um preço por se levantar e rever atitudes, repensar escolhas e mudar o curso da vida. Se encolhem, se escondem num sorriso sem graça, de quem na rua aparenta uma felicidade que não existe dentro de casa.

Há muita gente chorando por causa do vício. Há pais que não sabem o que fazer com os filhos rebeldes e com a distância que se criou entre eles. Há casais brigando por não conseguirem demonstrar o amor que sentiam um pelo outro. Há homens desesperados por causa das dívidas. Há  adolescentes e jovens angustiados por causa de um monte de bobagens que estavam fazendo com suas vidas (drogas, sexo e desonra aos pais). Em todos eles, uma coisa em comum... Uma vida vazia, distante de Deus.

Se não está bom, por que não mudar? Quando a vida está seguindo uma rota de destruição é preciso mudar o rumo antes que seja tarde. O casamento não vai bem e você vai continuar alimentando os mesmos erros? A relação com os filhos vai de mal a pior, e você vai permanecer com os braços cruzados? A vida financeira está complicada e você está somente reclamando? Está se acabando nas drogas, camuflando a ansiedade no cigarro e fugindo das preocupações na bebida ou mascarando a tristeza com remédios e acredita que a solução vai surgir do nada pra você?

"Há caminho que ao homem parece direito, mas o fim dele são os caminhos da morte" Provérbios 14.12
Quando estamos num caminho cujo o ponto final é a destruição de nós mesmos, só há uma solução: trocar o caminho... Experimentar outra estrada, arriscar-se em uma nova direção.
A solução não é rápida. Quem disse que basta você procurar a Deus e seus problemas irão terminar, mentiu. Isto é papo furado, é enganação só para encher as igrejas... É ilusionar e banalizar o relacionamento com Deus. Mas posso garantir que buscar a Deus é o começo de tudo. Num processo gradual você irá aprender a confiar nEle e a ansiedade vai embora. Vai aprender novos valores e vai ensinar a seus filhos pelo exemplo, e não somente pelas palavras. Vai descobrir o propósito maravilhoso do casamento e olhará para seu cônjuge com outros olhos. Vai conhecer o plano de salvação de Deus para você, e vai se sentir amado. Vai aprender que as coisas deste mundo são muito pequenas em relação à eternidade preparada por Deus para você. Vai encontrar sabedoria e vai administrar todas as áreas de sua vida com o auxílio do Alto.

Experimente um novo caminho. Lute ferozmente contra tudo de mal que há em você mesmo, descansando e confiando todo tempo em Deus. Leia a bíblia, ore, venha a igreja. Não somos perfeitos e nem santos. Mas lutamos contra nossos erros, resgatando, através da palavra, os valores que são reais para uma verdadeira vida!

Você precisa de um milagre?
Entrega o teu caminho ao Senhor; confia nele, e ele tudo fará (Sl 37:5)

Nenhum comentário:

Postar um comentário